sexta-feira, 29 de novembro de 2013

ACABARAM-SE AS PALAVRAS

Um dia destes por qualquer razão
Não sei dizer direito e nem explicar
Sem motivo algum, as letras pararam de chegar.
Ai meu Deus! Perdi o meu chão
Comecei a pensar
O  que vai ser de mim
 E como vou me expressar?
Como vou viver agora, dormir ou cantarolar?
Tinha imensas coisas na cabeça
E a todas, eu sabia como interpretar
Hoje pareço uma idiota, que mal pode gesticular.
Acabaram-se as palavras, e já me ponho a chorar
Queria tanto aquelas frases belas para dizer
Ter argumentações para te falar
E nem mesmo aquele mantra,
Não sei mais como recitar
Terei de novo tornar a aprender
Que solução?
É o melhor que tenho a fazer
Todos aqueles verbos, tenho que voltar a conjugar
Para que possa novamente me ler, e entender
Porque existem muitas, mas muitas maneiras de amar.
Guerreira Xue                                 
                                                                Imagem Net